Respirador mecânico de baixo custo desenvolvido por empresário potiguar está evoluindo rapidamente

O respirador mecânico desenvolvido pelo empresário potiguar e diretor da Netjat, Bruno Colt, já está na terceira fase e o projeto continua evoluindo rapidamente.

Como divulgado pelo Portal Extremoz o Bruno que é Bacharel em Ciência e Tecnologia pela UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) começou a desenvolver o respirador com o intuito de amenizar o impacto do coronavírus.

O equipamento que está sendo desenvolvido por ele é de baixo de custo e de extrema necessidade em virtude da pandemia causada pelo covid-19, pacientes que apesentam sintomas graves como dificuldade de respirar necessitam do aparelho.

A atitude de desenvolver o respirador é de grande importância pois no cenário atual existe uma grande demanda pelo equipamento e o mercado não está dando conta.

Confira como está a evolução do aparelho:

Compare com o vídeo gravado por Bruno no dia 04 de abril direcionado especialmente aos moradores de Extremoz explicando como funciona o aparelho:

Após a conclusão do projeto ele será apresentado e analisado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) que o órgão responsável pela certificação. Quem quiser observar a evolução basta acompanhar o Instagram: @BrunoColt