Polícia Civil “estoura” rinha de galo em Macaíba e mais de cinquenta pessoas são conduzidas para delegacia

A Polícia Civil, após receber denúncias anônimas, “estourou” uma rinha de galo que funcionava em uma residência do bairro Ferreiro Torto na cidade de Macaíba.

A casa era bem monitorada por câmaras de segurança e segundo vizinhos estava sempre movimentada, inicialmente a polícia havia recebido informações de que na casa havia muitas festas com som alto.

Depois eles também foram informados que havia maus-tratos de animais através das rinha de galo, uma prática que é proibida por lei, após entrar na residência a polícia constatou a veracidade das denúncias.

Além de promover rinhas de galo a residência também funcionava como uma espécie de boate nos finais de semana, inclusive com estacionamento para motos no interior.

Uma arma de fogo foi encontrada no local, além de uma pessoa que cumpre pena no semi-aberto, crianças e adolescentes. No total mais de cinquenta pessoas estavam no local.

As crianças e os adolescentes foram liberadas e os demais foram conduzidos para delegacia, um micro-ônibus da Polícia Civil teve que ir ao local para que todos fossem transportados, inclusive os animais.

Imagens: TV Ponta Negra