Mãe denuncia que filha autista sofre bullying em escola do município

A mãe de uma criança de dez anos, que atualmente está matricula na Escola Estadual Felipe Camarão localizada no Centro de Extremoz, resolveu utilizar uma rede social para denunciar que sua filha que é autista está sofrendo bullying na escola.

A mãe relata que Eliza Kocinba é uma criança muito doce, estudiosa, disciplinada e dedicada, ela não responde perguntas de desconhecidos, inclusive dos próprios colegas de classe, uma característica de quem tem autismo.

O TEA (Transtorno do Espectro Autista) é um transtorno neurológico caracterizado por comprometimento da interação social, comunicação verbal e não verbal e comportamento restrito e repetitivo.

Nilde Kocinba, mãe de Eliza, descobriu através de colegas da menina que o bullying é constante desde sua chegada na escola, a família chegou há pouco tempo na cidade vindos do Rio Grande do Sul e Eliza começou a frequentar a unidade escolar em setembro. Confira o relato completo:

Reprodução: Print Facebook

O relato da mãe ascendeu o alerta vermelho para importância de continuar a conscientização de que bullying não é brincadeira, além da importância de se investir em profissionais qualificados para cuidar de alunos como a Elisa.

Quem quiser conhecer a Elisa vamos deixar o link de um canal do youtube com alguns vídeos onde é possível ver algumas apresentações feitas por ela, que são essenciais para seu desenvolvimento.  Clique aqui para conhecer o canal.