2020: Cenário político começa a ser desenhado em Extremoz

Faltam cerca de dois anos para que o povo vote mais uma vez nos representantes do Executivo e Legislativo das cidades brasileiras, com isso já podemos notar que o cenário político de Extremoz já está sendo desenhado para o pleito de 2020.

De um lado nós temos o atual prefeito de Extremoz, Joaz Oliveira, eleito no primeiro turno nas eleições de 2016 com um resultado de 8.998 votos e que pode vim a tentar sua reeleição, mas isso vai depender muito de questão partidária, afinal Joaz já deixou o PR (Partido da República) e se não conseguir melhorar sua imagem deverá ser esquecido no pleito.

Também temos o ex-prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo, que já foi vice-prefeito da cidade, prefeito (2008-2012) e reeleito (2012-2016). Na disputa de 2016 ele tentou eleger seu primo Adalberto Rêgo, não obtendo sucesso e ficando em 3º lugar. Nos últimos meses Klauss Rêgo intensificou suas atividades na sua rede social, chegando inclusive a criticar a atual gestão.

Nesse cenário político também podemos contar com uma novidade, que é o vereador Eduardo Motta, apesar de ter sido eleito em 2016 na mesma coligação de Joaz Oliveira, ele faz oposição ao prefeito desde do inicio. Ele tentou se eleger Presidente da Câmara de Extremoz, perdendo para Fábio Vicente que com o apoio de Joaz conseguiu a presidência da casa. A futura candidatura de Eduardo Motta já é cogitada e esperada por muitos.

Já no Legislativo o que podemos esperar é uma renovação dos vereadores, os atuais fiscalizadores do poder Executivo não estão agradando nada a população, já se envolveram em muita polêmica, principalmente os vereadores da base aliada de Joaz. Provavelmente três ou quatro vereadores da atual conjuntura consigam uma reeleição.

Outro fato é que a ineficiência de Joaz Oliveira e dos atuais vereadores estão fazendo com muitas pessoas critiquem firmemente a atual gestão e que essas possam a vir a lançar candidaturas no próximo pleito, contudo os Extremozenses precisam ficar alertas, pois muitos aproveitam a falha da atual política para se beneficiar e ser eleito com discursos  de mudança mas que no final repete o mesmo filme, que o final já sabemos qual é.

Todos os cenários são especulativos mas muito provável de ser concretizado e independente do cenário Extremoz deverá vivenciar mais uma eleição calorosa, assim como nos anos passados.